Categoria

Geral

Categoria

Concursos e Eleições: O que muda?

2018 é ano de eleição e elas estão chegando. Para os concurseiros de plantão, fica a dúvida: haverá concursos durante o período eleitoral? A resposta é sim. Os concursos não são interrompidos. Em ano de eleições, os concursos públicos podem ser autorizados, abertos, editais podem ser publicados, inscrições podem ser feitas e até aplicação de provas podem ocorrer, antes, durante ou depois do período eleitoral. Por isso, os concurseiros não precisam se preocupar no que diz respeito à preparação e execução das provas. A diferença está na nomeação de cargos. Vamos entender melhor: Nomeação em Período Eleitoral Neste ano serão eleitos Presidente, Governador, Senador e Deputados Estaduais e Federais, portanto, não haverá nomeações de cargos públicos nas esferas federal e estadual no segundo semestre. O artigo 73 da Lei das Eleições (9.504/1997) é muito claro e restringe a nomeação, contratação ou admissão do servidor público nos três meses antes…

Dicas para organizar o planejamento de estudos durante a semana

A organização do planejamento de estudos é essencial para uma estratégia assertiva na hora de buscar uma aprovação em concurso público. Os primeiros passos envolvem uma análise interna, buscando entender quais seus objetivos, o que você pode fazer para alcançá-los e quais as suas limitações. Com isso claro, o próximo passo é buscar organizar os materiais e o cronograma de estudos, para não se perder em meio a todas as matérias. Neste post, nós trouxemos para você algumas dicas práticas para colocar seu planejamento em dia. Muitas técnicas são do Alessandro Marques, o Coach de Concursos. Se você quiser saber mais, conheça o Curso online de Planejamento de Estudo. Entenda a sua realidade de estudos Cada estudante possui uma realidade e é preciso enquadrar os estudos na rotina. De nada adianta se propor a estudar 6h por dia se a pessoa trabalha dois turnos, por exemplo. Entender a sua…

Quais os requisitos mínimos para prestar concurso público?

Sem Dúvidas Convocações Basicamente você precisa ter: No mínimo, 18 (dezoito) anos de idade; Ser brasileiro ou naturalizado, ou gozar das prerrogativas contidas no art. 12 da Constituição Federal; Ter boa conduta comprovada por certidões das Justiças Comum (estadual e federal), Militar (estadual e federal) e Eleitoral; É de costume dos concursos solicitar através de exames médicos comprovação de que você está  apto física e mentalmente para o exercer as atribuições do cargo; Você deve possuir os documentos que comprovem a escolaridade exigida no Edital; Caso você seja portador de deficiência, deve atender às exigências do Edital; Você deve estar em dia com as suas obrigações eleitorais; E os candidatos do sexo masculino também devem estar em dia com os deveres do Serviço Militar.