Você gostaria de acreditar que é possível vencer  o conteúdo do edital,  ter certeza que vai atingir suas metas de estudo, saber que seus esforços não serão em vão, que o seu planejamento vai funcionar e que  você vai ser aprovado no concurso que você tanto almeja?

O maior obstáculo na hora de estudar para um concurso costuma ser a corrida contra o tempo. O prazo da abertura do edital até a aplicação da prova, costuma ser bem curto, e você não deve cometer o erro de começar a se preparar para um concurso somente quando o edital é aberto. Como a quantidade de conteúdo que cai em uma prova costuma ser grande, a melhor opção é se adiantar com os editais anteriores e começar a estudar antes para já estar a um passo à frente dos seus concorrentes.

Para atingir suas metas a palavra de ordem é: Planejamento. E neste artigo, eu vou te ensinar como se planejar para estudar para um concurso e como aproveitar o seu tempo da forma mais eficiente possível. Siga passo-a-passo os itens a seguir:

[inicio-resumo]

Índice

1-Defina um foco

2-Estabeleça metas

3-Escolha uma Técnica de estudo

4-Administre o tempo

5-Defina prioridades

6-Crie um Ciclo

7-Separe os blocos (leitura, exercícios e revisão)

[fim-resumo]

1-Defina um foco

A gente já conversou um bocado sobre esse assunto, mas eu vou repetir pra ficar bem claro: a sua primeira e maior decisão é definir um foco, e isso significa escolher o cargo que você deseja trabalhar, para assim poder optar em quais concursos se inscrever. Você não precisa escolher somente um concurso, mas se os que você definir fazer  tiverem conteúdos programático parecidos, isso vai facilitar a sua vida, pois quando você estiver se preparando para um concurso, você já vai estar, automaticamente se preparando para todos os outros ao mesmo tempo. No fim das contas se você não passar na sua primeira opção você ainda vai ter a chance de rever os conteúdos que você teve mais dificuldade na ultima prova e melhorar suas estratégias de estudo.

Leia Também: A Melhor Forma de Tirar Todo Proveito do Seu Edital

2-Estabeleça metas

A grande maioria de concurseiros costumam, desde cedo, estabelecer metas diárias, semanais, mensais e anuais em seu planejamento de estudo. Eles, definem quantos e quais concursos vão fazer, planejam quanto tempo de estudo vão se dedicar em cada concurso e definem suas rotinas semanais para assim designarem quantas horas por dia de estudo terão para cada matéria. Ou seja, é de extrema importância criar um cronograma completo para que você tenha uma preparação ordenada, e é isso que nó vamos fazer!

3-Escolha uma Técnica de estudo

Existem muitas técnicas de estudo diferentes, e não tem como eu te dizer qual é a melhor técnica, e nem se alguma delas é infalível. Cada concurseiro estuda de um jeito e cada um prefere uma técnica diferente. Algumas pessoas estudam melhor ouvindo, outras lendo, algumas pessoas gostam de fazer fichamentos com esquemas das matérias e outras preferem os resumos. Também tem aqueles que preferem usar os meios digitais, e os que não conseguem trocar os livros e a caneta por nada.

Para descobrir qual é a “sua técnica” é importante testar diferentes métodos até descobrir o que funciona melhor pra você. Não importa qual você escolher, o crucial é que seja o que funciona pra você. Aproveite também para aprender em qual tipo de ambiente você se sente mais confortável estudando, descubra se você prefere estudar com ou sem música, em casa, em uma biblioteca, ou em um espaço de coworking…

4-Administre o tempo

Muita gente me pergunta se deve estudar em todos os horários que tem livre, e eu costumo responder, que sim! Porque estudar regularmente é o que faz o seu cérebro fixar melhor os conteúdos que você está aprendendo, e ter uma rotina fixa é fundamental para estabelecer essa regularidade.

Para administrar o seu tempo você deve dividir todos os seus horários. Eu gosto de ter isso separado de forma visual, por isso eu marco meus horários em uma planilha, com todos os períodos que eu tenho disponível para o estudo ou para atividades paralelas, como atividades domésticas, cursos, etc. Essa divisão de tarefas deve ser minuciosa para que você consiga designar o tempo exato que você tem livre só para os estudos, evitando assim, atrasos e frustrações no seu planejamento.

Agora abra seu “Plano de Aprovação”, e na aba Rotina anote todas as suas atividades diárias de acordo com os horários que você cumpre cada uma delas, lembre-se de considerar trajetos do trabalho até em casa, pausas para lanche e horários de descanso, esses períodos também devem ser anotados e não podem entrar dentro dos horários de estudo.

Em seguida preencha com períodos de estudo os horários que ficaram livres. E logo abaixo, no final da planilha você pode inserir a soma de horas que você tem para estudar cada dia. Assim você já terá uma estimativa de quanto tempo que você vai estudar e a tabela vai te ajudar a visualizar melhor seus horários.

5-Defina prioridades

Depois de separar o tempo que você terá para se dedicar aos estudos. Você pode utilizar o “Edital dos experts” que eu te ensinei a fazer aqui, para verificar o conteúdo que será cobrado e começar a definir a prioridade de cada matéria, destinando uma quantidade exata do seu tempo para cada disciplina e avaliando quais conteúdos você vai precisar dedicar mais tempo para estudar.

Definir um ciclo de estudos ajuda você a manter o foco e funciona como um incentivo para continuar. O seu ciclo deve abordar cada tópico do conteúdo programático. Reserve o tempo para os assuntos na seguinte ordem de prioridade:

  • Estude por mais tempo os conteúdos que tem mais peso na prova
  • Estude os conteúdos que você conhece menos
  • Estudo os conteúdos que você têm mais dificuldade
  • Dedique menos tempo aos tópicos que você já conhece bem

Agora volte para seu “Plano de Aprovação”, e na aba Quadro de matérias preencha os campos com todas as matérias que você deve estudar separando elas por peso, isso vai te ajudar a definir quantas horas estudar por matéria. Lembre-se que o importante é ter uma pontuação alta, por isso o foco principal dos estudos são as provas de mais peso.

6-Crie um Ciclo

Esse é o passo que faz toda a diferença nos seus estudos! Para se planejar, você deve evitar cronogramas com dias e horários específicos para cada matéria, a melhor opção é usar um ciclo de estudos flexível, onde as matérias se adaptam aos seus horários e não o contrário. Assim os imprevistos não vão atrapalhar seus estudos, pois mesmo que você deixe de estudar durante um período, por conta de uma eventualidade qualquer, você não vai precisar pular aquele conteúdo para vê-lo depois.

Deixa eu explicar melhor: Primeiro distribua as matérias na aba Ciclo de estudos com a quantidade de horas que você definiu para cada conteúdo, no passo anterior.  Em seguida, defina quantas horas o seu ciclo terá com base na soma de horas das matérias (esse valor a planilha gera automaticamente, assim que você preenche a quantidade de horas que vai estudar cada matéria). Evite ciclos maiores que 24 horas para não ficar muito longo e cansativo.

Quando começar, você vai estudar as matérias pela ordem que você colocou na aba Ciclo de estudos, nos horários que separou para os estudos na aba Rotina. Quando você terminar o período de uma matéria você inicia a outra e assim que você chegar à última matéria, você recomeça o ciclo.

7-Separe os blocos (leitura, exercícios e revisão)

Reveze seus horários entre blocos de leitura, exercícios e revisão.  Muitas pessoas já usam ciclos de estudos, mas esquecem de acrescentar na sequência um período para estimular outras habilidades além de ler as matérias. É importante que no fim de cada etapa você separe um horário para fazer exercícios e revisão do que foi estudado, isso ajuda muito no processo de aprendizado e na memorização…

Para ficar mais claro, o que você deve fazer é, fazer a sua lista de matérias na aba Ciclo de estudos, e no fim da lista acrescentar um item chamado Exercícios e Revisão, com uma quantidade de horas específicas só para essas atividades, para rever todo o conteúdo que você estudou durante o ciclo. Ou seja, o último item do seu ciclo sempre vai ser Exercícios e Revisão, e finalizando essa etapa você pode começar outro ciclo. Dessa forma você acelera o processo relendo apenas o que você já resumiu ou fichou, e otimiza o seu tempo de estudo.

Leia Também: Nunca mais perca tempo procurando um edital

Resumindo:

Para se planejar e começar os estudos de forma organizada e confiante, você precisa seguir os seguintes passos:

  • Defina um foco, escolhendo o cargo que você deseja trabalhar, e os concursos que você pretende prestar;
  • Estabeleça metas diárias, semanais, mensais e anuais em seu planejamento de estudo;
  • Escolha uma técnica e um ambiente de estudos que funciona pra você;
  • Separe os períodos que você tem disponível para o estudo dos períodos para atividades paralelas;
  • Defina a prioridade de cada matéria, avaliando quais matérias você vai precisar dedicar mais tempo para estudar por prioridade de peso;
  • Crie um ciclo de estudos flexível, onde as matérias se adaptam aos seus horários;
  • Reveze seus horários entre blocos de leitura, exercícios e revisão. Ao fim de cada ciclo separe um horário para fazer exercícios e revisão  com uma quantidade de horas específicas só para essas atividades;
  • A planilha tem 3 abas. Preencha uma de cada vez e em ordem, da direita para esquerda, para criar um Plano de aprovação de sucesso.

Agora você  pode ter certeza de que seus esforços não serão em vão, e que o seu planejamento vai funcionar! Usando essas técnicas de organização você vai ser aprovado no concurso que você tanto almeja. Baixe o plano de aprovação e comece hoje mesmo.